Dicas de Roteiros - 5 dias em Chicago

As informações no blog são um pouco dispersas e para quem vem pela cidade pela primeira vez fica difícil juntar todas as dicas em um roteiro. Assim resolvi criar a série "World, Surprise Me - Roteiros de Chicago" com dicas para 2 e 5 dias na Wind City. Espero que ajude :)

DICA #1 - Para 5 dias recomendo comprar o Chicago CITYPASS. Além dos descontos em algumas atrações, ainda é possível pegar a fila rápida o que ajuda muito nos meses de verao. Veja esse post para mais detalhes.




DIA 1
  • Manhã - Começar com um brunch ou café da manhã no rooftop Cindy's, do hotel Chicago Athletic Association para apreciar a vista. Dali, esticar com uma caminhada pelo Millenium Park, tirar fotos no famoso "Bean" e passear pelo Maggie Dailey Park. Ambos ficam logo em frente do hotel. Na sequência, uma idéia bacana é fazer o passeio de segway pelo Grant Park e todo o Museum Campus (Shedd Aquarium, Field Museum, Planetarium e Soldier Field) porque a área é bastante grande para se fazer a pé (tambem dá, mas é uma boa caminhada). Recomendo ir até o Planetário porque de lá se tem uma das melhores vistas da cidade! Se o preço do segway estiver acima do orcamento, esse trecho também pode ser feito com a Divvy Bike (mais aqui sobre aluguel de bicicletas). 
  • Almoço - Depois desses passeios, pode ser uma boa parar para almoçar. Alguns lugares mais informais e rápidos para almoçar ou petiscar na região da Michigan Ave /River North são o Shake Shack, Purple Pig e o Eately. Mais dicas de restaurantes aqui.
  • Tarde - Caminhar calmamente no sentido norte pela Michigan Ave curtindo a arquitetura e as lojas. Terminar o dia no John Hancock Center. A dica para apreciar a vista sem pagar pelo observatório é pegar o elevador ate o bar Signature Room no 95 andar. Depois de observar a vista de todos os ângulos, inclusive do banheiro (!), da para beber algo e relaxar. Alternativamente, é possivel ir formalmente até o observatório por USD18 e literalmente deitar nas janelas! O "Tilt at the Jonh Hancock" é bem legal para ver a cidade sob um novo angulo.
DIA 2
  • Manhã - Caminhada pelo Loop, começando  pelo Cultural Center e passando pelo Willis Tower & Skydeckobservatório famoso pelo chão de vidro. Dali, explorar as lojas da State Street, a Macy's gigantesca e o "mini-shopping" Block 37.
  • Almoço - dentro do Block 37, provar iguarias de toda America Latina no Latinicity. Outra alternativa deliciosa para almocar no Loop é a super loja de queijos, charcuterie e vinhos Pastoral Artisan Cheese.
  • Tarde - Caminhar pela River Walk e fazer o tour do rio e lago, organizados pela Wendella ou Chicago Architecture Foundation (algumas empresas/horários só focam no rio, mas o legal é juntar com o lago). 
  • NoiteFazer um passeio bem para turista, mas que adorei pela história e sempre recomendo: The Untouchables Tour. Tour de ônibus noturno de duas horas que passa por todos os pontos históricos relacionados com os gangsters, a era de Al Capone e da Lei Seca. A excursão é divertida e elucidativa. Na mesma linha, existe também o Chicago Film Tour, que passa por todos os pontos de Chicago que já apareceram nas grandes produções de Hollywood.
DIA 3
  • Manhã - Sair do lugar-comum e experimentar Dim-sum em Chinatown. Para chegar é só pegar a Linha vermelha do metrô e descer em Chinatown. Dali já se vê o portal do bairro tradicional e todas as lojinhas e restaurantes. Algumas opções bacanas são PhoenixTriple CrownMingHin. .
  • Tarde Alugar bikes Divvy e pedalar pela ciclovia à beira do lago, passando pelo Navy Pier e seguir ate o Lincoln Park e Lincoln Zoo, que  são grátis. Finalizar o dia com um dink no rooftop do hotel Lincoln, bar J. Parker antes do por do sol. Tem uma vista maravilhosa! 
DIA 4
  • Manhã - Curtir Wicker Park, o bairro hipster-chic de Chicago, a versão local do Brooklyn. Começar o dia com um brunch no The Bongo Room ou Hot Chocolate. Passear pelo novo Park 606 (outra versão de NY - desta vez a inspiracao foi o High Line) e explorar as lojinhas e boutiques independentes da Damen Ave e Milwaukee Ave. Metro mais proximo é a estacao Damen, Linha Azul do CTA.
  • Almoço - experimentar o super hamburguer com trufas no Umami Burger.
  • Tarde: The Art Institute of Chicago - o museu merece pelo menos uma tarde inteira para apreciar tudo calmamente. Se não quiserem entrar, vale ap menos tirar fotinho da placa que marca o início da Route 66 que fica praticamente em frente.
  • Noite - Restaurante balado com um bar legal e com show burlesque ou musica ao vivo é o Untitled. Para quem gosta de comédia, um show do Second City é imperdivel!
DIA 5

  • Manhã - Reservar o dia para voltar no lugares que mais curtiu, arrumar as malas e para finalizar as compras! Se  o desejo for por artigos de grife e luxo, o local ideal é a parte norte da Michigan Ave e a Gold Coast com lojas como Bloomingdales, Chanel, Louis Vuitton, etc.
  • Almoço - Se o apetite for para a famosa deep-dish pizza, que particularmente acho muito massuda e pesada, mas tradicional de Chicago, recomendo a Giordanos ou Lou Malnattis. Se estiver na área norte da Michigan Ave/Gold Coast, Tavern on Rush pode ser uma boa pela comida tradicional americana e people watching.
  • Noite - Fechar em grande estilo com um show da Broadway ou algum evento esportivo. Mais dicas no post Esportes em Chicago.
Outra opção para considerar no final do dia, é a programação cultural do Millenium Park e Grant Park. É uma delicia fazer um pic-nic no gramado e curtir as bandas. Outra excelente opção no verão são os bares e restaurantes em rooftops.

Fique de olho na página do Facebook e Instagram, sempre posto dicas do final de semana ou algum programa cultural bacana que esteja rolando.

Clique no link para continuar Explorando Chicago